sexta, 19 de julho de 2024
FOMENTO

CAPITAL DO AGRO SEDIA MAIOR FEIRA DE TURISMO RURAL EM DEZEMBRO

17 NOV 2023 - 11h05Por REDAÇÃO

O Pantanal, as grutas de Bonito e a biodiversidade com espécies como tamanduá-bandeira, onça-pintada, capivaras, tucanos, tuiuiús e araras fazem do Mato Grosso do Sul uma região propícia para atividades turísticas em áreas rurais, onde o turista tem experiências incríveis. Não é à toa que os destinos para os visitantes aumentam cada vez mais e o segmento vem gerando renda e desenvolvimento no campo. 

Agora, a população sul-mato-grossense poderá conferir na 19ª edição nacional da Ruraltur, a maior feira de turismo rural do Brasil, quais os melhores destinos de ecoturismo, além de painéis, palestras e atrações culturais. Pela primeira vez no Estado, o evento acontecerá entre os dias 12 e 14 de dezembro, na Feira Central de Campo Grande (ao lado da antiga estação ferroviária), e para participar basta se inscrever gratuitamente.

Engana-se quem acredita que já conhece tudo o que o Estado pode oferecer. Promovido pelo Sebrae, com correalização do Sistema Famasul, por meio do Senar/MS, e apoio da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Fundtur) e da prefeitura da Capital, essa edição da Ruraltur possui a temática “Isto é Mato Grosso do Sul” em um ano em que Campo Grande é reconhecida como a Capital do Agro.

Cidade grande bem estruturada, arborizada e com ares de interior, Campo Grande e região é rica em fauna e flora

Contará com 250 expositores locais e de outros sete estados do país, além de pacotes especiais com experiências únicas para quem quer vivenciar os destinos locais. A expectativa é atrair quatro mil pessoas, com o foco em empresários e produtores rurais de atividades econômicas vinculadas ao turismo rural ou produção associada, gestores públicos e consumidores. A prefeitura de Campo Grande apoia institucionalmente e disponibilizará o city tour organizado pela secretaria de Cultura e Turismo.

Fortalecer o rural

Segundo o presidente do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae/MS e do Sistema Famasul, Marcelo Bertoni, um dos diferenciais do turismo rural é permitir a integração com o cotidiano da lida no campo, uma vez que, no Mato Grosso do Sul, o agronegócio é uma das alavancas da economia. 

“Além da geração de renda extra para os empreendedores rurais, a atividade permite a integração entre homens e mulheres do campo junto ao meio ambiente, a valorização dos produtos locais e a atração de investimentos em infraestrutura para as regiões onde se desenvolve. Por isso a importância de fortalecermos o turismo rural”, destaca o presidente.

Nesse contexto, a Ruraltur visa promover os negócios de turismo rural, disseminando conhecimentos técnicos para ampliar as ações da atividade, de forma organizada e cooperada. 

Turismo rural, que tem o Pantanal como principal destino, tem sido muito bem divulgado nas grandes feiras dentro e fora do país

“Sabemos que o nosso Estado possui uma variedade de negócios no turismo rural que vêm se destacando, e o Sebrae é parceiro desses empreendedores. Levamos capacitações, acompanhamento e imersões para que as propriedades rurais possam fornecer as melhores experiências para os turistas, gerando atração de mais visitantes, investimentos e fortalecimento da economia local. A Ruraltur vem para somar e mostrar a potência do Mato Grosso do Sul”, pontua o diretor-superintendente do Sebrae/MS, Claudio Mendonça.

Vivências nos destinos

A Ruraltur promove o turismo rural autêntico e contribui para o desenvolvimento de novos produtos e experiências, em um país com uma rica diversidade cultural e natural. E, para ver de perto o que Mato Grosso do Sul tem a oferecer, os participantes poderão se inscrever para participar de vivências de turismo rural ofertadas em destinos de Campo Grande e região.

Durante os dias do evento, no período das manhãs e tardes, serão oferecidas experiências de turismo rural. As vivências serão pagas pelos participantes e a disponibilização dos produtos será feita na página da 19ª Ruraltur na Internet.

Evento nacional gera fluxo de turistas em Campo Grande e divulga todas as potencialidades do Estado Carbono Neutro

É a primeira vez que Mato Grosso do Sul recepcionará o evento, uma oportunidade para mostrar a potencialidade do Estado e seus destinos turísticos. A ação foi lançada oficialmente em solenidade realizada no dia 16, com a presença de autoridades e empresários ligados ao trade turístico. A expectativa do evento é atrair quatro mil pessoas para a Feira Central de Campo Grande.

“Estamos organizando os roteiros turísticos para que se tornem competitivos no mercado nacional. Essa feira vem para consolidar este trabalho, sendo uma vitrine para o Brasil. O evento é uma oportunidade imperdível para vivenciar os roteiros e conhecer a produção do turismo rural”, destaca a diretora-técnica do Sebrae/MS, Sandra Amarilha.

Para o diretor-presidente da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Fundtur), Bruno Wendling, o Estado tem potencialidades principalmente no turismo rural. 

“Mato Grosso do Sul tem todas as potencialidades para esse tipo de segmento, desde o Pantanal, que apesar de oferecer o ecoturismo, está nas fazendas pantaneiras e oferece o turismo rural também; além do entorno aqui de Campo Grande, com a rota Caminhos dos Ipês. Será a oportunidade que vamos ter de mostrar novos produtos e roteiros para operadores nacionais”, pontuou.

Serviço
Mais informações e inscrições na 19ª Ruraltur, clique aqui

Leia Também

Relatos de viagem

Gabi viveu o deserto e o céu mais estrelado do mundo

Mais Relatos de Viagem

Megafone

Leio na mídia: "Bugio expressa ternura ao ver a irmã com o sobrinho no Pantanal..." É muita masturbação.

Silvio de Andrade, jornalista

Vídeos

As 10 cidades mais ricas em espécies de aves

Mais Vídeos

Eco Debate

MARCO MORAES

Não confunda sustentabilidade com ideologia

ARMANDO ARRUDA LACERDA

Fogo Classe P de Pantanal

HEITOR RODRIGUES FREIRE

Um Caminho