quinta, 20 de fevereiro de 2020
TURISMO

Marx Beltrão visita Corumbá e garante investimentos

12 AGO 2017 - 09h15Por Redação

Localizada no coração do Pantanal, a histórica cidade de Corumbá (MS) é um dos principais destinos brasileiros de natureza e aventura e foi palco da discussão do fortalecimento da atividade na região com autoridades locais e segmentos do turismo regional. O ministro do Turismo, Marx Beltrão, e o diretor-presidente da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Fundtur), Bruno Wendling, participaram do debate durante o seminário “Turismo no Pantanal – Perspectivas de Desenvolvimento”.

Segundo Wendling, o Estado tem desenvolvido ações de fomento do turismo e a parceria do ministério é de grande importância. “Estamos em consonância com o Ministério do Turismo para o desenvolvimento do setor em Mato Grosso do Sul. Um dos comprometimentos do ministro Marx foi de impulsionar nacional e internacionalmente a nova campanha de marketing de promoção dos nossos destinos”, disse.

Verba para o terminal portuário

A Fundtur, segundo ele, vai lançar essa campanha durante a feira ABAV 2017, em setembro. Além disso, apoiará o município pantaneiro na elaboração da ‘Carta de Corumbá’, com demandas do turismo da região e que será entregue ao ministro em Brasília. Além disso, o secretário Jaime Verruck, da Semagro, entregou a Beltrão um documento com os projetos que a Fundtur já havia solicitado ao MTur, para que sejam priorizados.

Entre os assuntos discutidos com o ministro estava a importância da conectividade aérea para atrair mais visitantes brasileiros e estrangeiros, além das melhorias no porto fluvial para o incremento da pesca esportiva. Também participaram do seminário o prefeito de Corumbá, Ruiter Cunha de Oliveira, a diretora-executiva da Fundação de Turismo do Pantanal, Marjú Venturini.

“Não basta a existência do porto, ele precisa estar preparado para receber bem o visitante e a construção de terminal de embarque e desembarque, será fundamental para dar mais conforto para os turistas dos cruzeiros fluviais e de pesca esportiva”, reconheceu o ministro. A obra do terminal de passageiros do Porto de Corumbá terá verba dos governos federal e estadual, totalizando R$ 3,5 milhões.

Ministro do Turismo, acompanhado do prefeito Ruiter Cunha, e do presidente do Fundtur, visitou o Cristo Redentor do Pantanal. Foto: Renê Márcio Carneiro

Investimentos federais em MS

O ministro do Turismo destacou, ainda, a vocação natural da região para o ecoturismo e os investimentos da Pasta em infraestrutura para alavancar a atividade com a geração de empregos e renda no Pantanal. Marx Beltrão ressaltou que já foram contratados cerca de R$ 70 milhões em projetos e obras com o governo do Mato Grosso do Sul e em torno de R$ 60 milhões em convênios diretamente com os municípios.

“O Mato Grosso do Sul é de grande importância para o turismo brasileiro e estamos dando total apoio ao estado e municípios para o crescimento do turismo deste grande destino”, afirmou. “O papel do ministério é trabalhar para que o turismo seja visto, de fato, como uma plataforma para a geração de empregos, de renda e de oportunidades para todos”, concluiu Marx Beltrão.

Além do seminário, realizado no Centro de Convenções do Pantanal, o ministro conheceu o centro histórico de Corumbá e um dos barcos hotéis que navegam pelo rio Paraguai para roteiros de pesca esportiva e cruzeiros. A embarcação já tem reservas confirmadas até 2019 e é um exemplo da importância da pesca esportiva para o desenvolvimento do turismo regional.

 

Leia Também

Relatos de viagem

Conte sua aventura aqui!

Mais Relatos de Viagem

Megafone

Uma longa viagem começa com um único passo

Lao Tsé, filósofo e escritor chinês

Vídeos

Gente pantaneira 01

Mais Vídeos

Eco Debate

FRANCISCO OLIVEIRA

Trabalho informal nos lixões: um risco à vida dos catadores

MANOEL MARTINS DE ALMEIDA

Pequenas Centrais Hidrelétricas – PCHs

HEITOR FREIRE

O Poder do Silêncio