sexta, 21 de junho de 2024
INCENTIVO

Ministério do Turismo destina R$ 10 milhões para o Festival de Parintins

06 JUN 2024 - 09h48Por MTUR

Uma das maiores manifestações folclóricas do Brasil, o Festival de Parintins ganhará, neste ano, um reforço financeiro importante do Governo Federal. O Ministério do Turismo destinou R$ 10 milhões para potencializar o tradicional festejo e incrementar o turismo na região.

O anúncio foi feito pelo ministro do Turismo, Celso Sabino, em evento que reuniu, em Brasília (DF), a bancada federal, representantes dos bois Caprichoso e Garantido, dos Correios e da Petrobrás. Além dos recursos do MTur, a festa terá o patrocínio das duas empresas públicas, somando R$ 12 milhões.

O apoio financeiro para as festividades tradicionais do Brasil é um dos campos de ação do Ministério do Turismo, com foco em ajudar os municípios na preparação turística dos destinos. No Carnaval, foram investidos cerca de R$ 30 milhões e, neste momento, a Pasta tem incentivado os festejos juninos, que inclui o Festival de Parintins.

Apoio histórico

O ministro do Turismo, Celso Sabino, ressaltou que a meta é manter a cultura brasileira viva e atraente para os turistas, possibilitando que os visitantes conheçam o Brasil e movimentem hotéis, restaurantes e equipamentos turísticos.

Cerimônia de anúncio do apoio financeiro ao festival, que movmenta R$ 150 milhões em três dias

“Confesso a vocês que o meu coração está transbordando de alegria e de felicidade, de poder estar, hoje, como ministro do Turismo, seguindo a determinação do presidente Lula, anunciando esse apoio histórico ao Festival de Parintins. Quem já vivenciou essa incrível manifestação cultural sabe da grandiosidade do nosso folclore amazônico, que movimenta enormemente a economia do estado, gerando emprego e renda”, ressaltou Sabino.

Visibilidade

O Festival de Parintins acontecerá nos dias 28, 29 e 30 de junho. Neste período, a população da cidade atinge mais de 120 mil pessoas, o que é praticamente o dobro do local, incrementando em R$ 150 milhões a economia do município, somente nos três dias da festividade. Os representantes dos bois, protagonistas da festa, ressaltaram a importância do apoio do MTur.

“É um momento que promove a visibilidade de uma região, não apenas por ser exótica, mas por ter um potencial turístico fantástico. Esse apoio do MTur nos dá tranquilidade para realizar a festa, que será ainda maior neste ano”, ressaltou o presidente do Boi Garantido, Fred Góes.

“O olhar do governo federal, do Ministério do Turismo, é muito importante para que o povo de Parintins possa ter uma segurança econômica. Cerca de 50% da base da economia de Parintins é fruto da festa”, frisou o representante do Boi Caprichoso, Rossy Amoedo.

Selo

Além de recursos, o Festival de Parintins ganhou dos Correios um selo comemorativo com a ilustração dos Bois Garantido e Caprichoso, que são os protagonistas da festividade e expressão do folclore do Amazonas. Além de usar para postar correspondências, o visitante poderá levar para casa uma linda lembrança do estado.

Leia Também

Relatos de viagem

Gabi viveu o deserto e o céu mais estrelado do mundo

Mais Relatos de Viagem

Megafone

Leio a manchete: 'deputados de MS propõem audiência para solucionar queimadas'. Pantanal está salvo, graças a Deus!

Silvio de Andrade, jornalista

Vídeos

As 10 cidades mais ricas em espécies de aves

Mais Vídeos

Eco Debate

ARMANDO ARRUDA LACERDA

Lei do Pantanal: tirou o boi, fogaréu entrou!

MARIANA PONTES

Cerrado e Caatinga são patrimônios do Brasil e precisam ser protegidos

EDUARDO CRUZETTA

Um dia pelo Meio Ambiente, 300 anos pela pecuária conservando o Pantanal