quarta, 21 de fevereiro de 2024
PREVENÇÃO

Imasul fecha balneário em Bonito por condutas irregulares

09 FEV 2024 - 14h53Por CAMPO GRANDE NEWS

Após receber multa de R$ 180 mil em janeiro deste ano por infrações ambientais, o balneário Bosque das Águas, localizado em Bonito, a 297 km da Capital, teve a licença de operação cassada pelo Imasul (Instituto de Estado de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul).

O órgão pontuou que levou em conta relatório de fiscalização e decidiu por retirar a autorização para o empreendimento funcionar, concedida em 2021, com base nos princípios “da precaução e prevenção”.

O cancelamento é assinado pelo diretor-presidente do Imasul, André Borges Barros. No texto, são mencionados, ainda, o auto de infração e um laudo de constatação.

O atrativo entrou na mira da fiscalização após irregularidades ocorridas no final do ano, quando houve elevado número de turistas na cidade. Policiais ambientais apontaram que havia excesso de pessoas no local, que é uma APP (Área de Preservação Permanente), com potencial poluidor dos recursos naturais.

Negligência

Entre as infrações mencionadas constaram o pisoteamento na vegetação, dentro da APP, e o acesso ao Rio Formoso pelas margens, prejudicando a preservação. Lixo foi encontrado no local, também foi verificado excesso de veículos. 

A PMA ainda repassou que faltavam informações aos visitantes sobre os cuidados com a preservação e as condutas vedadas aos frequentadores.

A instituição apontou que a conduta do proprietário foi negligente. Na época, a administração do atrativo chegou a dizer que adotaria ações mais rígidas para proteger o local.

Leia Também

Relatos de viagem

A decoada, o armau e história de pescador no Pantanal do Nabileque

Mais Relatos de Viagem

Megafone

O fogo tem devastado as unidades de conservação do Pantanal, porém as Ongs culpam os vizinhos pantaneiros. E ai MP?

Silvio de Andrade, jornalista

Vídeos

Esportes radicais: calendário de 2024

Mais Vídeos

Eco Debate

ZECA CAMARGO

Dentro da Terra, dentro de mim

Silvio de Andrade

Desembaraçando pantaneiros dos antropizadores 

AFONSO CELSO VANONI DE CASTRO

"Ameaças são naturais, desastres não"