domingo, 24 de outubro de 2021
NOVIDADE!

Azul planeja operar voos para Ponta Porã a partir de setembro

Início das operações vai depender da certificação do aeroporto junto à ANAC

30 MAR 2021 - 17h05Por REDAÇÃO

Ponta Porã poderá ser a mais nova base de operação da Azul no país. A empresa espera ligar o aeroporto da cidade sul mato-grossense, situada na fronteira com o Paraguai, à sua malha aérea nacional e internacional a partir do segundo semestre deste ano, com voos diários que serão operados diariamente para Campinas (SP), principal centro de conexões da Azul no país.

Maior companhia aérea do Brasil em número de voos diários e destinos atendidos, a Azul planeja iniciar as operações na cidade em 8 de setembro, fazendo de Ponta Porã o 6º destino atendido pela empresa no Mato Grosso do Sul.

No entanto, o início das vendas para os novos voos e a confirmação da data planejada dependerão da execução e término de obras de melhoria na infraestrutura aeroportuária da cidade. Em Ponta Porã, a Azul tem a expectativa de voar com as aeronaves brasileiras da Embraer, no entanto o modelo da aeronave que irá operar no destino só será definido após a certificação do aeroporto pela Infraero, que administra o terminal, junto à Anac.

Promessa antiga

A abertura de Ponta Porã também atenderá a demanda de clientes da cidade de Dourados, distante 120 km pela BR-463, base de operações que está fechada temporariamente em função de uma reforma na pista do aeroporto.

"A Azul é a maior companhia aérea do país em volume de voos diários e destinos atendidos e o anúncio dos novos e inéditos voos em Ponta Porã reforça o investimento da empresa em conectar o Mato Grosso do Sul a todas as regiões brasileiras. Cada nova base incluída fortalece nossa malha e, ao mesmo tempo, possibilita o desenvolvimento econômico da região que será atendida, pontua Vitor Silva, gerente de planejamento de malha da Azul.

“Estamos muito ansiosos em cumprir uma promessa antiga de operar em Ponta Porã e o começo da operação na cidade atenderá a demanda impactada de clientes de Dourados e nos ajudará a desenvolver um novo mercado. A ideia é manter os voos nos dois destinos quando retomarmos as frequências em Dourados", adiantou.

Leia Também

Relatos de viagem

Rota das emoções: lugares de ver Deus...

Mais Relatos de Viagem

Megafone

REVITALIZAÇÃO DA LINHA INTERNACIONAL FOMENTA TURISMO DE COMPRAS

SÍLVIO DE ANDRADE

Vídeos

Bonito é referência nacional em saneamento

Mais Vídeos

Eco Debate

ARMANDO ARRUDA LACERDA

Teses e antíteses ou todo fogo no Pantanal é agropastoril!

MANOEL MARTINS ALMEIDA

Fantástico, o Show da Morte!

THOMAZ LIPPARELLI

Pantanal, uma história que se repete