quarta, 01 de fevereiro de 2023
LAZER

AS OPÇÕES PARA APRECIAR A NATUREZA PERTO DE CAMPO GRANDE

Empreendimentos atendidos pelo Sebrae/MS têm se destacado no mercado local

25 JAN 2023 - 15h29Por REDAÇÃO

Para fugir da correria do dia a dia na cidade, não é preciso enfrentar muitas horas de estrada, afinal, algumas cidades próximas a Campo Grande são verdadeiros recantos em meio ao verde e paisagens exuberantes. Seja no fim de semana ou nas férias, os municípios vizinhos oferecem inúmeros programas para aproveitar em qualquer época do ano.

Atento a esse mercado, o Sebrae/MS vem fomentando negócios do segmento turístico por meio do programa Transforma Turismo. Confira abaixo opções próximas à Capital acompanhadas pela instituição que são perfeitas para quem ama natureza.

 

Estância Alegria

O caminho até a Estância, na própria Capital, já revela a beleza do lugar, que tem uma receptividade diferenciada, conforme a proprietária do lugar, Elda Regina Leite Galvão de Ávila. O recanto é destinado ao lazer e descanso com direito a piscina, redário, bicicletas, campo de futebol, além de ter espaço para yoga, meditação e massagem.

O cardápio também é um atrativo a parte, composto por vários pratos da culinária regional sul-mato-grossense e com o diferencial de atender a pessoas com restrições alimentares, com toda a base da alimentação sem glúten e quando requisitado pelo cliente, sem lactose, ou nas opções vegetariana ou vegana.

Estância Alegria: turismo de bem-estar

"A filosofia da propriedade é proporcionar um turismo de bem-estar para quem procura um lugar sossegado, aonde o barulho da água, do vento, dos pássaros e outros animais compõe um som ambiente pra lá de especial", disse a dona Elda.

A Estância Alegria disponibiliza day use hospedagem por apenas um dia, sem pernoite ou aluguel para festas e confraternizações. O espaço fica na rodovia Três Barras (MS-040), na área rural de Campo Grande. Para saber mais, acesse o perfil na rede social Instagram: @estanciaalegria

Recanto da Elô

Quem chega ao Recanto da Elô, localizado no município de Jaraguari, a 54 km de Campo Grande, é recepcionado pelo casal Kaka Karvalho e Eloíza Brizueña como se fosse de casa, sempre com um cafezinho. 

A pousada é refúgio para quem quer se conectar com a natureza e o cenário favorece o turismo radical com trilha e pedal com passagem pelas cachoeiras do Arrependido, do Garimpo Velho e do Japonês.

Recanto da Elô: fuga da cidade grande

Além dos passeios, outro atrativo é a culinária regional. A paella é o carro-chefe do lugar, um prato feito no fogão a lenha com ingredientes como carne de galinha, de vaca, de porco e uma variedade de vegetais para enfeitar, e também tem opção de paella vegetariana. 

"Acredito que nossos clientes vêm em busca do conjunto: fuga da cidade, passeio rural, trilha, visita às cachoeiras, nossa culinária e descanso. Depois da trilha e do almoço, o pessoal se entrega nas cadeiras, poltronas e redes do Recanto", disse.

O Recanto da Elô fica na MS-445, em Jaraguari. Crianças tem valores diferenciados. Para saber mais sobre o empreendimento, acesse o perfil no Instagram: /recanto_da_elo/

Dica extra: camping

Para quem está disposto a percorrer um percurso maior em busca de contato com a natureza, outra recomendação de negócio acompanhado pelo Sebrae/MS é o Refúgio Santa Teresa, no município de Rio Verde de MT, a 250 km de Campo Grande.

Localizado na região Norte de MS, o Refúgio é um espaço convidativo ao campismo, descanso e lazer. Margeado pelo Rio Taquari-Mirim, o empreendimento do casal Diogo Carneiro e Eva Ferraz oferece trilha e piquenique para os amantes da natureza.

Refúgio Santa Tereza: piquenique em família

Eva ressalta que o público abrange famílias, pais que já acampavam e estão proporcionando a experiência para os filhos, além de pessoas que nunca acamparam e utilizam o day use para se aventurar. Para ela, acampar é um quase um 'ritual' para quem gosta mesmo de montar a barraca, estar em contato com a natureza, além, é claro, do vínculo com a família e amigos.

"Quem passa por aqui gosta mesmo é de armar a barraca, montar o fogareiro, porque sai do convencional. O campista tem um ritual e cria uma interação com a família, porque a verdade é que hoje em dia a gente tem aquela correria do dia a dia e o Refúgio vem para resgatar esse convívio", comentou Eva.

A quantidade máxima permitida no local é de 50 pessoas por dia. O empreendimento disponibiliza pacotes de day use para que as famílias possam desfrutar de um momento em família e amigos, tem espaço para motor home e camping. O valor da diária é cobrado por pessoa.

O Refúgio Santa Teresa fica na BR 163 Km 719, em Rio Verde de Mato Grosso. Acesse o perfil no Instagram: @refugiosantateresa.

Transforma Turismo

Em sua primeira edição, o programa Transforma Turismo capacitou pessoas interessadas em empreender e empresários do segmento turístico da região central do estado, conhecida também como "Rota Caminho dos Ipês". 

Dentre os municípios que fazem parte deste grupo, estão: Campo Grande, Corguinho, Dois Irmãos do Buriti, Jaraguari, Nova Alvorada do Sul, Ribas do Rio Pardo, Rio Negro, Rochedo e Terenos. A ação também foi replicada nos municípios de Coxim e Rio Verde de Mato Grosso. Para 2023, o programa será retomado em março, quando será ampliado para outras regiões do estado.

O objetivo da ação é promover às micro e pequenas empresas de Mato Grosso do Sul o acesso ao mercado e o aumento da competitividade. Além disso, também fazem parte da ação auxiliar os empresários a ofertar seus serviços junto às agências especializadas, formatar seus produtos e deixar as experiências atrativas, organizar roteiros e inserir o negócio nas plataformas digitais.

Para mais informações sobre a próxima edição do programa, envie uma mensagem para o WhatsApp (67) 3389-5300. Essa e outras iniciativas do Sebrae/MS podem ser consultadas por meio do telefone 0800 570 0800.

Leia Também

Relatos de viagem

Conte suas aventuras aqui!

Mais Relatos de Viagem

Megafone

Quando morre um rio, morremos todos, pois somos parte da humanidade que necessita do ambiente equilibrado

Gilberto Mendes Sobrinho, juiz federal de MS, ao determinar a recuperação do Rio Taquari, em 2013

Vídeos

Parque Ecológico Rio Formoso

Mais Vídeos

Eco Debate

ARMANDO ARRUDA LACERDA

Cerimônia de formatura no Pantanal

JOÃO GUILHERME SABINO OMETTO

Do discurso da COP 27 à prática do agro brasileiro

LARISSA LANDETE

Comunicar sustentabilidade precisa ser uma jornada