segunda, 30 de março de 2020
PROGRAME-SE

Desvendando o melhor do leste asiático

30 JUL 2017 - 18h00Por Redação

Quando pensamos no leste asiático muitas vezes imaginamos a grandeza das Muralhas da China, e a alta tecnologia dos edifícios ao lado de templos ancestrais no Japão. Todavia, o leste asiático tem muito mais a ser desvendado e a Costa Brava Viagens e Eventos oferece pacotes personalizados para os clientes que desejem conhecer paisagens incríveis e a experiência de desfrutar de uma gastronomia riquíssima.  

China: tradição à modernidade 

A China é um país com diversos atrativos para diferentes gostos. A capital Beijing (Pequim) é moderna e movimentada, com grandes restaurantes, e está próxima da Grande Muralha, uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno. Outro famoso ponto turístico da região é o Exército de Terracota, em Xian, que conta com vários templos e a cidade murada, um dos trechos finais da Rota da Seda.  

Em Shanghai e Chengdu estão dois polos econômicos e culturais da China e em Chengdu também é possível visitar o Centro de Reprodução do Panda Gigante, santuário que desenvolve um trabalho único para a preservação dessa espécie.

Ao lado de cidades modernas, também estão belíssimas paisagens naturais, com rios, cataratas e montanhas, como a cidade de Guilin, por onde passa o Rio Li Jiang. O vale entrecortado por formações de rocha calcária ganha contornos e cores únicos e também traz nas proximidades lindos arrozais do país. A área é chamada de “espinha do dragão”, por conta dos desenhos sinuosos que as plantações ganham ao longo das encostas. 

Outra paisagem ímpar da China é o Parque Nacional Zhangjiaje, com formações rochosas impressionantes e que serviram de inspiração para as “Sky Montains” do filme Avatar, e as montanhas Tianmenshan, com uma altitude de mais de 4.800 metros e que trazem estruturas grandiosas de pontes e passarelas de vidro para a visitação dos turistas, as “The Glass Skywalks”.  Já, no parque geológico Zhangye – Danxia, estão as chamadas “Montanhas Coloridas”, com cores e texturas únicas. 

Das montanhas é possível seguir por fortes e templos, até o deserto de Gobi. De lá é possível ir até as grutas de Mogao, com grandiosos budas esculpidos nas rochas. E para quem deseja explorar ainda mais os tesouros antigos da China, Suzhou, cidade conhecida como a “Veneza do Oriente”, reúne jardins considerados Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Japão: templos e centros de tecnologia 

No Japão, a harmonia entre tecnologia e a tradição milenar pode ser percebida em diversas atrações turísticas. Nas metrópoles, como Tóquio, arranha-céus convivem com gigantescos jardins, templos e lagos, formando uma paisagem muito interessante para o visitante, que também podem desfrutar de restaurantes de alto padrão e grandes shoppings. A uma hora de distância da capital, está o Monte Fuji, uma incrível vista, que congrega lagos, como o Aishii e o Kawaguchi.

O litoral japonês é outra descoberta a ser feita, e o turista pode aproveitar para realizar uma viagem pela região pelo trem bala Shinkansen. Outra boa pedida é a Região de Kansai que guarda muitos sinais da tradição e cultura japonesas, nas cidades de Nara, Osaka e Kyoto. Paisagens vulcânicas, casas de samurais, castelos e as casas tradicionais japonesas: tudo isso e muito mais pode ser desvendado em uma viagem única pelo Japão.

Leia Também

Relatos de viagem

Conte sua aventura aqui!

Mais Relatos de Viagem

Megafone

A natureza não negocia e a física não faz acordos

Greta Thunberg, ao Parlamento Europeu

Vídeos

Pesque, solte e volte sempre!

Mais Vídeos

Eco Debate

MANOEL MARTINS DE ALMEIDA

Tordinhos do entardecer

XICO GRAZIANO

Ecologistas precisam evoluir sobre turismo natural

FRANCISCO OLIVEIRA

Trabalho informal nos lixões: um risco à vida dos catadores